Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Histórico da Instituição

Esta seção reúne e divulga as informações gerais do Campus Palmas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO), que são de interesse coletivo, com o objetivo de tornar público o conhecimento do histórico da unidade.

Oficialmente inaugurado em abril de 2003 – na época, Escola Técnica Federal de Palmas - o Campus Palmas tem capacidade para atender mais de 4.000 estudantes. A unidade ocupa uma área de 128.508,38m² e é referência em ensino de qualidade na capital do Tocantins e região. Oferta cursos nas modalidades: pós-graduação, superior, técnico integrado ao Ensino Médio, técnico subsequente, técnico EAD e Proeja. Além disso, também são ofertados cursos de formação inicial e continuada, voltados à capacitação rápida da comunidade para o mercado de trabalho. O Campus Palmas desenvolve ainda diversas atividades de extensão e pesquisa, que contribuem para o desenvolvimento da sociedade em geral.

Endereço: AE 310 SUL, Avenida LO 05, s/n Plano Diretor Sul, Palmas-TO, CEP:  77.021-090, Telefone: (63) 3236-4000, e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

site: palmas.ifto.edu.br

 

Cursos oferecidos:

Pós-graduação

Especialização em Telemática

 

 Superiores

Sistemas para Internet

Gestão Pública

Gestão do Agronegócio

Gestão em Turismo

Licenciatura em Letras – Habilitação em Língua Portuguesa

Licenciatura em Matemática

Licenciatura em Física

Licenciatura em Educação Física

Engenharia Civil

Engenharia Elétrica

 

 Técnicos Integrados ao Ensino Médio

Administração

Agrimensura

Agronegócio

Eletrotécnica

Eventos

Informática para Internet

Mecatrônica

Controle Ambiental

 

 Técnicos Subsequentes

Agrimensura

Automação Industrial

Controle Ambiental – oferta suspensa

Mecatrônica – oferta suspensa

Edificações

Eletrotécnica

Informática – oferta suspensa

Secretariado

Segurança do Trabalho

 

 Técnicos EAD

Administração

Agroecologia

Controle Ambiental

Guia de Turismo

Secretariado

Segurança do Trabalho

 

 Proeja

Atendimento

Manutenção e Operação de Microcomputadores

Histórico

 A história do Campus Palmas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO), antiga Escola Técnica Federal de Palmas (ETF-Palmas), inicia-se em 1989 por meio de um projeto idealizador do Governo do Estado do Tocantins e a disposição de uma equipe de professores da antiga Escola Técnica Federal de Goiás.

Em 1991 o Governo do Tocantins fez a doação da área para construção da unidade, por meio da Lei nº 310/91. Em 18 de abril de 1993, o então prefeito de Palmas, Eduardo Siqueira Campos, lançou a pedra fundamental da construção. Em 30 de junho desse mesmo ano, através da Lei nº8.670/93, o então presidente da República, Itamar Franco, efetivou a criação da unidade.

Em 21 de dezembro de 1998, por meio do decreto nº2980 do Ministério da Educação (MEC), a unidade tornou-se Autarquia Federal. Em 2001 a Prefeitura de Palmas entregou a obra ao MEC, que repassou sua gestão para o Centro Federal de Educação Tecnológica do Pará (CEFET-PA).

Em 2002, por decisão do MEC, o Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná (CEFET-PR) assumiu o processo de implantação da unidade e realizou o primeiro concurso público para corpo docente e administrativo. Também foi realizado o exame de seleção para os primeiros cursos técnicos oferecidos: Eletrotécnica, Edificações e Informática.

Em 2003 tomaram posse os primeiros servidores da unidade, sendo 44 docentes e 12 técnicos administrativos. Neste mesmo ano foram matriculados os primeiros 360 alunos e em 4 de abril, o então ministro da Educação, Cristóvão Buarque, inaugurou oficialmente a unidade e empossou o primeiro diretor, Prof. MSc. Adail Pereira Carvalho.

Em 2004 foi realizado o segundo processo seletivo para o corpo docente e administrativo, bem como exame de seleção para seis novos cusos técnicos: Eletrônica, Agrimensura, Gestão em Agronegócios, Turismo e Hospitalidade, Secretariado Executivo e Saneamento Ambiental. Neste mesmo ano a unidade implantou a Educação Profissional Técnica de Nível Médio - modalidade integrada - para os cursos de Informática, Eletrotécnica, Eletrônica e Edificações.

Em 2008 a ETF-Palmas integrou-se à Escola Agrotécnica Federal de Araguatins (Eafa) formando o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins, criado por meio da Lei nº 11.892/2008, que instituiu a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

Em 2010 realizou-se a primeira eleição direta do Campus Palmas em que professores, técnicos administrativos e discentes puderam eleger o Diretor-geral do Campus Palmas do IFTO.

Atualmente o Campus Palmas oferece Pós-Graduação em nível de Especialização, cursos superiores, cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio, cursos Técnicos Subsequentes, cursos na modalidade Proeja e cursos Técnicos na modalidade EAD.

A unidade registra em seu quadro de servidores 217 docentes e 108 técnicos administrativos e cerca de três mil estudantes matriculados em seus cursos regulares.

 

Com uma capacidade para atender mais de 4.000 alunos, o Campus Palmas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins integra a Rede Federal de Educação Tecnológica e ocupa, hoje, uma área de 128.508,38m², com aproximadamente 25 mil m² de área construída.

As instalações físicas estão distribuídas em:

02 blocos destinados à área administrativa e consultórios médico-odontológicos;

01 Biblioteca;

01 Laboratório da área de educação física;

05 Laboratórios da área de construção civil;

01 Laboratório de Física;

08 Laboratórios da área de indústria;

01 laboratório de biologia;

01 Laboratório de química;

14 Laboratórios de Informática;

02 Laboratórios de desenhos;

01 Telecentro;

01 Auditório com capacidade para 230 pessoas

01 Complexo Esportivo, com ginásio, campo de futebol, quadras poliesportivas  e piscina

72 salas de aula;

Missão

Proporcionar desenvolvimento educacional, científico e tecnológico no Estado do Tocantins por meio da formação pessoal e qualificação profissional.

Visão
Ser referência no ensino, pesquisa e extensão, com ênfase na inovação tecnológica de produtos e serviços, proporcionando o desenvolvimento regional sustentável.


O Campus Palmas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins, observada a função social, tem por objetivos:

I - ministrar educação profissional técnica de nível médio, prioritariamente na forma de cursos integrados, para os concluintes do ensino fundamental e para o público da educação de jovens e adultos;

II - ministrar cursos de formação inicial e continuada de trabalhadores, objetivando a capacitação, o aperfeiçoamento, a especialização e a atualização de profissionais, em todos os níveis de escolaridade, nas áreas da educação profissional e tecnológica;

III - realizar pesquisas aplicadas, estimulando o desenvolvimento de soluções técnicas e tecnológicas, estendendo seus benefícios à comunidade;

IV - desenvolver atividades de extensão, de acordo com os princípios e finalidades da educação profissional e tecnológica, em articulação com o mundo do trabalho e os segmentos sociais, e com ênfase na produção, desenvolvimento e difusão de conhecimentos científicos e tecnológicos;

V - estimular e apoiar processos educativos que levem à geração de trabalho e renda e à emancipação do cidadão, na perspectiva do desenvolvimento socioeconômico local e regional;

VI - ministrar em nível de educação superior:

a)  cursos superiores de tecnologia visando à formação de profissionais para os diferentes setores da economia;

b) cursos de licenciatura, bem como programas especiais de formação pedagógica, com vistas na formação de professores para a educação básica, sobretudo nas áreas de ciências e matemática, e para a educação profissional;

c)  cursos de bacharelado, visando à formação de profissionais para os diferentes setores da economia e áreas do conhecimento;

d) cursos de pós-graduação lato sensu de aperfeiçoamento e especialização, visando à formação de especialistas nas diferentes áreas do conhecimento;

e) cursos de pós-graduação stricto sensu de mestrado e doutorado, que contribuam para promover o estabelecimento de bases sólidas em educação, ciência e tecnologia, com vistas no processo de geração e inovação tecnológica.

VI - desenvolver a educação profissional e tecnológica como processo educativo e investigativo de geração e adaptação de soluções técnicas e tecnológicas às demandas sociais e peculiaridades regionais;

VII - orientar sua oferta formativa em benefício da consolidação e fortalecimento dos arranjos produtivos, sociais e culturais locais, identificados com base no mapeamento das potencialidades de desenvolvimento socioeconômico e cultural no âmbito de atuação do IFTO - Campus Palmas;

VIII - realizar pesquisa aplicada e extensão, estimulando o desenvolvimento de soluções tecnológicas e educacionais, e estendendo seus benefícios à comunidade;

IX - desenvolver programas de extensão e de divulgação científica e tecnológica;

X - realizar e estimular a pesquisa aplicada, a produção cultural, o empreendedorismo, o cooperativismo e o desenvolvimento científico e tecnológico;

XI - promover a produção, o desenvolvimento e a transferência de tecnologias sociais, notadamente voltadas à preservação do meio ambiente.

Fim do conteúdo da página